Versão Beta

Cerca

VaticanNews
Foto Papa Francisco na sua eleição Foto Papa Francisco na sua eleição 

Argentinos: meu carinho e gratidão

Papa Francisco enviou uma carta de agradecimento a todos os argentinos que o saudaram pelos seus 5 anos de pontificado.

Cidade do Vaticano

Papa Francisco enviou uma carta à Conferência Episcopal Argentina,  para que fosse publicada pelos Bispos à todos os argentinos e argentinas. Nesta carta o Papa quis agradecer aos seus compatriotas todas as felicitações recebidas  pelo seu aniversário de 5 anos de pontificado.

Leia a carta na integra:

"Para os argentinos e os argentinas que manifestaram sua proximidade no quinto aniversário da minha eleição, gostaria de expressar meu carinho e gratidão. Me comove ver que, além da respeitosa saudação das autoridades, esta carta uniu pessoas de diferentes procedências religiosas, políticas e ideológicas. Assim se confirma que não é impossível encontrar razões para estarem juntos e que "a unidade é superior ao conflito".

"Eu gostaria de lhes dizer que o amor pelo meu país ainda é grande e intenso. Rezo todos os dias por isso, meu povo que eu amo tanto. E para aqueles que se ofenderam por alguns de meus gestos, peço-vos  perdão. Posso assegurar que as minhas intenções é fazer o bem, e nessa idade meus interesses têm pouco a ver comigo. Porém, embora Deus tenha me confiado uma tarefa tão importante, e Ele me ajuda, ele não me libertou da fragilidade humana. Por isso posso errar como qualquer pessoa.

"Se alguma vez se alegraram pelas coisas que fiz bem, quero pedir-lhes para senti-las como suas. Vocês são o meu povo, as pessoas que me formaram, me prepararam e me ofereceram para servir as pessoas. Ainda não tivemos a alegria de estarmos juntos na nossa Argentina, lembre-se de que o Senhor convocou um de vocês para levar uma mensagem de fé, misericórdia e fraternidade a muitos cantos da terra ".

Peço a todos vocês que sejam canais do bem e da beleza, para possam dar a contribuição em defesa da vida e da justiça, para que semeiem paz e fraternidade, para que melhorem o mundo com seus trabalhos, para que possam cuidar os mais fracos e compartilharem com as mãos cheias tudo o que Deus lhes deu.

Como sempre, aos que têm fé lhes peço para orar por mim e por aqueles que não têm fé, peço-lhes que me desejem coisas boas.

Com carinho de irmão e pai, Francisco

Papa escreve aos argentinos
17 março 2018, 15:28